Pele saudável: saiba como cuidar e torná-la mais brilhante

0

A pele saudável é algo que muitas pessoas se esforçam para ter. Para alguns, a pele radiante é um sinal externo de saúde, enquanto outros desejam alcançar essa aparência por razões cosméticas.

Existem muitas maneiras de melhorar o brilho da pele. As pessoas podem melhorar a saúde da pele fazendo mudanças na dieta e no estilo de vida. Existem também muitos produtos de maquiagem e cuidados com a pele no mercado que podem dar a aparência de uma pele brilhante.

Neste artigo, veremos mais de perto o que é uma pele saudável, os fatores que a influenciam e como trabalhar para isso.

O que é pele brilhante?

Pele brilhante significa coisas diferentes para as pessoas. Muitas pessoas usam o termo para se referir à pele que parece saudável e “acordada”, em vez de seca, opaca ou com textura irregular. Para alguns, a pele saudável resulta em um brilho natural, ou “brilho”.

  • lisinha, com poucas rupturas ou manchas
  • adequadamente hidratada, não sendo nem muito seco nem muito oleoso
  • bastante uniforme na cor, em vez de vermelho ou inflamado

Fatores que influenciam a saúde da pele

A pele de cada pessoa é diferente. Algumas pessoas podem ser naturalmente mais capazes de alcançar uma aparência brilhante do que outras devido a uma série de fatores.

  • Genética: é mais provável que uma pessoa tenha pele seca ou opaca devido aos seus genes. Algumas doenças de pele seca, como dermatite atópica, estão relacionadas à genética.
  • Hormônios: flutuações nos níveis hormonais podem desencadear surtos de acne e alterar o grau de oleosidade ou ressecamento da pele de uma pessoa. Isso é verdade para pessoas de todos os sexos, principalmente durante a puberdade, gravidez e menopausa.
  • Condições de saúde e medicamentos: se uma pessoa tiver outras condições de saúde coexistentes ou tomar medicamentos, isso pode afetar a saúde de sua pele. Por exemplo, o controle hormonal da natalidade pode ter uma influência positiva ou negativa.
  • Meio ambiente: A exposição à luz solar, temperaturas extremas, ar seco, fumaça de tabaco e poluição podem ter um impacto negativo na pele.
  • Comportamento: A ingestão de água, dieta, sono, estresse e exercícios podem influenciar a pele. Os produtos que uma pessoa usa na pele também podem ajudar ou prejudicar a saúde da pele.

Não é possível controlar todos esses fatores, mas há muitos que uma pessoa pode mudar para promover uma pele saudável. Veremos alguns deles nas seções a seguir.

Cuidados com a pele 

Os cuidados com a pele não precisam ser complexos ou caros. Muitas pessoas se beneficiam de uma rotina simples que consiste em limpeza, hidratação e proteção solar.

Limpeza

Os produtos de limpeza ajudam a remover a sujeira, a maquiagem e o excesso de oleosidade da pele. Ao escolher um limpador, é importante procurar um que seja suave, com pH balanceado e não inclua produtos químicos agressivos ou sabão.

Limpe a pele ao acordar, antes de dormir e após suar. Use água morna em vez de fria ou quente e seque a pele com uma toalha limpa.

Hidratação

Os hidratantes adicionam água à pele. Para melhores resultados, recomenda-se a aplicação de hidratante imediatamente após a limpeza para reter a umidade da pele.

Pessoas com pele oleosa podem preferir um hidratante sem óleo, enquanto aqueles com pele seca podem preferir algo mais pesado que contenha óleos ou manteigas.

proteção solar

A luz solar contém luz ultravioleta, que pode causar queimaduras, danos causados ​​pelo sol e sinais visíveis de envelhecimento. Aplicar um produto com FPS antes de sair de casa é uma maneira fácil de reduzir o risco. Ao escolher um produto SPF, procure um que seja:

  • amplo espectro
  • FPS 30 ou superior
  • adequado para o tipo de pele de uma pessoa

Aplique protetor solar em todas as áreas da pele exposta, incluindo ao redor dos olhos e pescoço. Quando o sol está mais forte, fique na sombra ou use roupas leves e um chapéu para cobrir o couro cabeludo.

Parar de fumar

Fumar pode contribuir para vários problemas de pele, incluindo:

  • envelhecimento prematuro, incluindo o aparecimento de rugas
  • cicatrização lenta de feridas
  • infecções de pele
  • algumas doenças de pele, incluindo psoríase

Fumar também aumenta o risco de câncer de pele de células escamosas, principalmente nos lábios.

Aliviar o estresse

Estresse pode impactar a pele de várias maneiras. Os cientistas acreditam que ele pode aumentar os níveis de inflamação, diminuir o fluxo sanguíneo para a pele e retardar a cura da pele.

Reduzir o estresse e reservar um tempo para relaxar é geralmente benéfico para o corpo e a mente. As pessoas podem fazer isso:

  • reduzindo quaisquer atividades estressantes que eles não precisam fazer, como delegando-os
  • reservando tempo para atividades de que gostam ou que acham que aliviam o estresse
  • relaxando antes de dormir todas as noites
  • praticar ioga, exercícios respiratórios ou atenção plena

Dormir o suficiente

O sono pode ajudar a manter a saúde mental e permitir que o corpo se cure de danos, o que pode beneficiar a pele.

Um pequeno estudo de 2015 descobriram que a falta de sono estava associada ao envelhecimento da pele, redução da função de barreira e insatisfação com a aparência da pele entre 60 mulheres.

Beber água e reduzir o consumo de álcool

O corpo requer ingestão adequada de água para se manter saudável. Embora haja evidências limitadas de que beber mais água melhora diretamente a aparência da pele, um estudo de 2015 descobriram que beber o suficiente ajuda a função da pele.

Em contraste, o álcool pode desencadear ou piorar :

  • vermelhidão facial
  • rubor
  • rosácea
  • psoríase
  • dermatite
  • infecções de pele

Quando procurar ajuda de um médico

Essas dicas acima mencionadas podem ajudar algumas pessoas a terem uma pele mais saudável. No entanto, pessoas com doenças de pele subjacentes, como acne persistente, descoloração, ressecamento, eczema ou outras erupções cutâneas, podem exigir o tratamento de um dermatologista especialista em câncer de pele.

As pessoas devem falar com um médico imediatamente se perceberem:

  • mudanças para uma toupeira
  • erupções cutâneas repentinas ou persistentes, urticária ou outras formas de irritação da pele
  • sinais de infecção da pele, como dor, inchaço ou feridas com secreção
  • feridas graves ou de cicatrização lenta

Resumo

A pele com brilho natural é tipicamente uma pele saudável e hidratada. As pessoas podem trabalhar nesse sentido implementando gradualmente uma rotina de cuidados com a pele, bem como fazendo mudanças em sua dieta ou estilo de vida, quando necessário.

Fumar, álcool e luz ultravioleta podem prejudicar a saúde da pele, portanto, evite-os sempre que possível.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.